Leonardo Sarmento, Professor de Direito do Ensino Superior
  • Professor de Direito do Ensino Superior

Leonardo Sarmento

Rio de Janeiro (RJ)
5.360seguidores5seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Professor constitucionalista
Professor constitucionalista, consultor jurídico, palestrante, parecerista, colunista do jornal Brasil 247 e de diversas revistas e portais jurídicos. Pós graduado em Direito Público, Processual Civil, Empresarial e com MBA em Direito e Processo do Trabalho pela FGV. Autor de 3 obras jurídicas e algumas centenas de artigos publicados. Nossa última obra (2015) de mais de 1000 páginas intitulada "Controle de Constitucionalidades e Temáticas Afins", Lumen Juris.

Recomendações

(4.327)
Glauco Pereira, Advogado
Glauco Pereira
Comentário · há 16 dias
Um merecido alerta na véspera de um momento em que, mais uma vez, nossas escolhas, mesmo que "deturpadas" por alguns que ainda acham que parte de nossa população precisa de uma "indicação" para votar, ao estilo do PRI, no México, que durante décadas escolhia o mandatário por "dedazo" e o povo fazia tal "escolha", sabe se lá como...

Na verdade, Professor, não acho que o povo durma ou algo do tipo. Na verdade, é um estado de letargia, causado por um tsunami de acusações, de práticas não republicanas, da institucionalização da tomada daquilo que é público para servir a fins partidários, da transgressão a regras, das mais simples a aquelas mais complexas, do exercício de uma verdadeira tomada do poder e sua utilização para perpetuação de práticas que, em parte, hoje se sabe que estenderam-se pelo continente.

O Simples fato da manipulação da vontade popular pelo emprego de verbas intencionalmente desviadas para este fim, de intencionalmente, em prol de um projeto de poder, jogar uns contra os outros, demonstra bem o caráter dos líderes que engendraram tal plano.

Até chagarmos hoje ao ponto que chegamos, de talvez ter que optar entre o menos ruim e o pior ainda, para evitar a volta de algo que dispensa maiores comentários, e pior, em nenhum momento reconhece suas falhas e tenta continuar a manipular judiciário, parte dos meios de comunicação, com uma retórica que não permanece de pé em um debate sério e sem mascaras.

Enfim, que alguma coisa maior ou mais forte nos proteja de tudo isto e nos garanta um futuro com menos sobressaltos, isto se não for pedir muito.

A constituição é força contra maiorias e garantia para minorias. A constituição é limite para o exercício do poder, seja pela força, seja por interpretações de conveniência e convenientes. A constituição, mesmo vilipendiada, nos dá um roteiro para tentarmos acertar o caminho, ao menos.

Que no dia a dia consigamos a aplica-lá e ao mesmo tempo protege-la por mais 30, 40, 50 anos...
Ricardo  , Operador de Direito
Ricardo
Comentário · há 15 dias

Perfis que segue

(5)
Carregando

Seguidores

(5.360)
Carregando

Tópicos de interesse

(6)
Carregando

Livros Publicados

(3)

Controle de Constitucionalidade e Temáticas Afins

Será lançado dia 15 de agosto de 2015 em evento na Livraria da Travessa, em Ipanema no Rio de Janeiro.

A Judicialização da Política e o Estado Democrático de Direito

Um coletânea de artigos e crônicas que demonstra um judiciário mas ativo na órbita político-social do Estado. Uma ampla cobertura jurídico-política do que foi o julgamento do mensalão.

A Efetividade dos Direitos Fundamentais e a Eficácia das Políticas Públicas

Trata de teorias, princípios, conteúdo essencial e restrições promovendo interessante link com as políticas públicas
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

ANÚNCIO PATROCINADO

Outros perfis como Leonardo

Carregando

Leonardo Sarmento

Entrar em contato